Este site utiliza código Javascript.
Estou em: » Projeto esportivo une socioeducandos e servidores da Fasepa

Projeto esportivo une socioeducandos e servidores da Fasepa

 

O futebol é utilizado como ferramenta socioeducativa de integração entre jovens atendidos pela Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa) e servidores da instituição, que irão jogar, na próxima sexta-feira (25), a quarta partida de futsal, na quadra coberta do Apoena, o espaço de esporte, cultura e lazer da Fasepa. A partida integra o projeto “Rolando a Bola”, que objetiva, além de desenvolver o esporte, “valorizar práticas de vivências em grupo e refletir sobre os atos praticados”, como afirma o assistente social da Fasepa, Josué Araújo, idealizador do projeto. O jogo será entre os times do Ciam Sideral e Apoena.

 

 

Como prática sociopedagógica implementada pela Fasepa, o futebol sempre foi bem aceito pelos socioeducandos, mas como projeto de integração com servidores, é inovador, como enfatiza Josué. “É a primeira vez que a Fundação realiza uma programação esportiva envolvendo adolescentes e servidores, e com a possibilidade de serem revelados novos talentos”.

 

 

O lançamento do “Rolando a Bola” aconteceu no início deste mês, no Apoena, em Ananindeua, e contou com a participação da banda de música do Corpo de Bombeiros Militar. No primeiro jogo da rodada, os internos do Centro Socioeducativo Masculino (CSEM) ganharam do time do Centro de Internação Jovem Adulto Masculino (CIJAM), com o placar final de 2 a 1. Já no segundo jogo da competição, o time do Centro Socioeducativo de Benevides goleou o time do Centro Juvenil Masculino (CJM) e fechou o jogo em 9 a 3. Na última sexta-feira, o time da unidade Benevides repetiu mais uma vitória, desta vez ganhando dos servidores da sede administrativa da Fasepa, terminando no placar de 8 a 5. Os jogos acontecem até setembro do ano que vem.

 

 

A Fasepa trabalha várias atividades sociopedagógicas com adolescentes e jovens, como escolarização, encaminhamento a estágios profissionalizantes, arte e cultura, mas o futebol é a atividade que mais desperta interesse pelo socioeducando, o qual se exercita o corpo, a mente, e a liberdade, "mesmo o jovem estando dentro de uma unidade de internação”, observa a pedagoga Izabel Souza. O “Rolando a Bola” é uma iniciativa do Núcelo de Gestão de Pessoas (NGP) com apoio da Diretoria de Assistência Social (DAS), coordenado pela gerência do Apoena.

 

"Rolando a Bola" integra adolescentes e servidores da Fasepa

imagem: 
Imagem ilustrativa da notícia.
Desenvolvimento: PRODEPA Usando CMS livre - Drupal Sítio Acessível