Este site utiliza código Javascript.
Estou em: » Maleta Juventudes do Canal Futura capacita servidores da Fasepa

Maleta Juventudes do Canal Futura capacita servidores da Fasepa

Dois dias de muito aprendizado. Essa é a avaliação dos participantes da capacitação “Encontro Online de Formação e Planejamento - Maleta Juventudes” que encerrou nesta quarta-feira (9). O projeto do Canal Futura capacitou 60 servidores da Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa) de diferentes áreas do conhecimento para serem multiplicadores da metodologia que será aplicada ainda no mês de junho nas unidades socioeducativas do estado.


Após a 1° etapa de apresentação do projeto “Maleta Juventudes” ter sido realizada, chegou o momento da formação online para os servidores que contou com a participação de monitores e técnicos das áreas da psicologia, assistência social e pedagogia de todas as 15 unidades socioeducativas localizadas da Região Metropolitana de Belém, Marabá e Santarém.

 

 


"Avalio de forma positiva, foi muito produtivo, a equipe está muito motivada e comprometida com o projeto do Canal Futura", disse a mobilizadora do Norte e Nordeste da emissora, Melina Marcelino. Ela explica que o material da Maleta Juventudes vem para complementar o trabalho educacional que já é feito nas unidades para contribuir com conteúdos que facilitem o trabalho dos educadores e a compreensão dos jovens.


A maleta é composta por jogos interativos, livros e DVDs que abordam temáticas relacionadas à juventude, como o extermínio dos negros, drogas, violência sexual, questões de gênero, relações abusivas, racismo, entre outras. 

 


Para quem já se identificava com a programação do canal, agregar mais conhecimentos com a utilização de materiais facilitadores para o processo de aprendizagem é estimulante para a realidade socioeducativa, conta Lívia Cunha, psicóloga do Centro de Adolescentes em Semiliberdade (CAS) 1, localizado na Região Metropolitana de Belém. "A gente pode abordar temas como a questão da violência, como a questão da discussão de gênero. E a partir disso, a gente consegue, com essas ferramentas, uma criatividade incrível, para fazer com que esses jovens possam pensar perspectivas, projeto de vida, mudanças de comportamento. A gente vê que se agrega muito bem o projeto da Maleta das Juventudes", explica Lívia.


Cada unidade socioeducativa recebeu uma maleta, e o material poderá ser aproveitado mesmo após o término do projeto previsto para ser realizado durante um ano. "É importante que todos os servidores se envolvam e multipliquem internamente a metodologia e o conteúdo, porque mesmo depois que o projeto finalizar o material vai ficar nas unidades e pode ser usado da forma que os educadores escolherem", ressalta Melina.


Texto: Franklin Salvador/ Ascom Fasepa


 

imagem: 
Imagem ilustrativa da notícia.
Desenvolvimento: PRODEPA Usando CMS livre - Drupal Sítio Acessível