Este site utiliza código Javascript.
Estou em: » Fasepa avalia procedimentos e fluxograma em Oficina de Gestão

Fasepa avalia procedimentos e fluxograma em Oficina de Gestão

Com o objetivo de aprimorar procedimentos e fluxograma dos processos que envolvem o trabalho socioeducativo, a presidência, diretores, gerentes e coordenadores da Sede Administrativa da Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa) se reuniram no Auditório do Sindicato dos Operadores Portuários do Estado do Pará (Sindopar), em Belém, hoje (23), para participar da "Oficina de Gestão".

 

 


Ter um ambiente organizado com a formalização dos fluxos, seguindo as instruções normativas dos serviços, é o ideal para que o atendimento socioeducativo seja garantido com qualidade, segundo o Presidente da Fasepa, Miguel Fortunato. "Essa é uma oportunidade de cada qual falar do seu desconforto, para refletirmos sobre as nossas forças e nossas fraquezas, ver as ameaças e as oportunidades, avaliando o organograma, o fluxograma, as competências e as tarefas de cada setor para tentar tirar um indicador que possa mensurar os serviços", explicou o presidente.  

 


Cada coordenação teve a oportunidade de apresentar como funciona a rotina de trabalho do seu setor. Sobre os processos jurídicos, a procuradora autárquica da Fasepa, Ivana Melo, destacou a necessidade dos servidores de qualificar a informação e registrar os procedimentos realizados, principalmente nos momentos de crise. "É preciso fazer um trabalho preventivo e que ele seja feito com qualidade para que se evite uma demanda, uma notificação. O não cumprimento do prazo judicial muitas vezes pode causar penalidade", alertou a procuradora sobre a necessidade da realização de cada processo dentro dos prazos estabelecidos.


 

Durante a programação, os servidores tiveram também a oportunidade de participar de uma palestra sobre oportunidades e atitudes com o professor Renato Mendes e master coach em gestão de pessoas. Segundo ele, "as oportunidades não surgem do nada, nós criamos as nossas oportunidades. O servidor precisa enfrentar os desafios se colocando à disposição do trabalho com o olhar de que toda superação será um crescimento para instituição e para si mesmo".  

 

 


No turno da tarde, os servidores participaram também de uma dinâmica cujo o tema foi a "Estrutura Organizacional nas Instituições" direcionada pelo colaborador e servidor da Escola de Governança Pública do Estado do Pará (EGPA), Lucílio Nery.

 

 

 

Texto: Franklin Salvador/ Ascom Fasepa

Fotos: Dani Valente/ Ascom Fasepa

 

imagem: 
Imagem ilustrativa da notícia.
Desenvolvimento: PRODEPA Usando CMS livre - Drupal Sítio Acessível